O marketing digital tem sido uma estratégia bem comum no dia a dia de empresas de todos os tamanhos e segmentos. Isso acontece por uma razão simples: as pessoas estão cada vez mais conectadas, e as companhias que não marcam presença nos meios digitais correm o sério risco de perder negócios ou, até mesmo, de fracassar no mercado.

Entre as diversas possibilidades, é impossível não falar do marketing nas redes sociais, que se apresentam como um dos principais canais de interação e relacionamento das organizações com suas audiências. De acordo com a pesquisa Social Media Trends, 92,1% das empresas estão ativas em alguma rede social para, principalmente, divulgar suas ações.

Com tantas pessoas em canais como Facebook, Instagram e YouTube, é essencial que você aproveite-os ao máximo e, assim, consiga atingir seus objetivos e bater suas metas. No entanto, em um cenário de alta concorrência, em que todos querem visibilidade, é fundamental entender profundamente as particularidades e as dinâmicas dessas ferramentas.

Neste texto, falamos sobre como definir as melhores redes sociais para sua marca e abordamos como deve ser o investimento em anúncios pagos e alcance orgânico. Ah! também destacamos as vantagens de contar com uma agência para otimizar seus resultados. Bora?

O que faço nas redes sociais?

Quando falamos de redes sociais, às vezes, é natural ficar perdido com as inúmeras formas de se trabalhar. A grande verdade é que não existe uma receita de bolo, tampouco uma fórmula mágica. Isso acontece porque as redes sociais são cenários fluidos, de mudanças muito rápidas e de experiências com acertos e erros. É tudo novo e estamos todos aprendendo juntos, incluindo os gigantes do mercado.

Antes de qualquer coisa, é essencial deixar claro que fazer marketing nas redes sociais vai muito além de postar algumas vezes durante a semana no Facebook e no Instagram. Uma boa estratégia exige planejamento, análise, criatividade e entendimento profundo em relação à forma de se comunicar com um determinado público.

Ainda de acordo com a pesquisa citada, as principais razões de as marcas estarem nas redes sociais são:

Em qual rede social devo estar?

A resposta para essa pergunta é: depende. Obviamente, existem os canais principais, como Facebook, Twitter, Instagram e YouTube, mas também há outras mídias de nicho muito fortes, como LinkedIn, Pinterest, Tumblr e tantas outras. Portanto, você deve estar onde seu potencial consumidor está.

Vivemos tempos em que nunca foi tão fácil entender o comportamento das pessoas. Por isso, observe os hábitos das pessoas que você atende e pretende ter como cliente. Converse, pesquise e mostre-se presente nos lugares em que essas pessoas mais gostam de estar.

Invisto em conteúdo pago ou gratuito?

Os dois. Definitivamente, é um erro achar que rede social é gratuito. Se você quer realmente ter visibilidade nesses canais, é preciso investir nas plataformas de anúncios. No entanto, isso não significa que você precise se afligir com isso. Diferentemente do marketing tradicional, em que muitas vezes as propagandas são inacessíveis, no marketing digital qualquer um pode investir.

No Facebook Ads, a plataforma de anúncios da rede de Mark Zuckerberg, é possível formatar campanhas de forma muito específica, direcionando-as para as pessoas que realmente têm alguma ligação com a sua empresa. O mesmo vale para o Instagram, o Twitter e o YouTube. E embora o Google não seja uma rede social propriamente dita, também é interessante fazer anúncios em sua plataforma, o Google Adwords.

Por outro lado, também é imprescindível que você crie conteúdo de qualidade. E o que significa qualidade? Simples: seja um profundo conhecedor do comportamento e dos hábitos dos seus potenciais clientes. O que eles gostam? Quais são seus medos, suas motivações e suas necessidades? O que move essas pessoas?

Com as respostas, você dará um primeiro passo para criar um conteúdo de qualidade. Nesse contexto, desenvolver suas personas, que são representações semifictícias do seu público ideal, torna-se crucial. A partir daí, tenha a clareza de que você não precisa apenas falar de si mesmo ou do seu produto ou serviço.

Na verdade, se fizer isso, é muito provável que não chamará a atenção. As pessoas estão interessadas em conteúdos relevantes para elas, ou seja, é isso que vai gerar o impacto que você espera junto à sua audiência. Portanto, investir em estratégias de inbound marketing se mostra cada vez mais importante, na medida em que, em linhas gerais, trata-se de um conjunto de ações que visam atrair um determinado público de forma natural e espontânea.

O foco está na criação e na publicação de um conteúdo — seja ele uma foto, um texto ou um vídeo — que se mostre valioso para os seus potenciais clientes. A ideia é criar uma interação e estabelecer um relacionamento, de forma que as pessoas avancem em suas jornadas de compra e se transformem em clientes.

Vale a pena contar com um fornecedor externo?

Sem rodeios, a resposta é sim. A grande maioria das empresas não conta com estrutura ou recursos para montar um time de marketing próprio. Isso é realmente trabalhoso e exige muito esforço por parte das companhias. Uma solução para isso é contratar uma agência, que tem um time de especialistas em estratégias para redes sociais.

Dessa forma, a empresa economiza recursos e assegura-se de que suas ações de marketing nas redes sociais sejam feitas por profissionais que realmente entendem do assunto. Além disso, as campanhas são focadas em resultados. Assim sendo, empresa e agência realizam análises periódicas em relação aos números e às conversões gerados nesses canais.

Para que você entenda melhor, entre os vários benefícios de terceirizar a sua estratégia nas redes sociais, podemos destacar:

  • especialistas de diversas áreas, com experiência de mercado;
  • estratégia escalável, ou seja, com potencial de grandes alcances;
  • fáceis ajustes de orçamento, gerando uma situação de ganha x ganha;
  • ótimo custo-benefício e mais barato do que montar um time próprio;
  • ajuda efetiva para a empresa conquistar resultados concretos.

O que achou dessas ideias para aplicar sua estratégia de marketing nas redes sociais? Como dissemos, para que esse trabalho gere os resultados esperados, é essencial que você entenda bem quem é seu público, de forma que seu discurso esteja bem alinhado com a sua audiência.

Assim, você poderá criar conteúdo realmente cativante para os seus seguidores. Seja criativo, invista em diversos tipos de mídias (incluindo fotos, vídeos, textos, gifs, entre outros) e seja consistente. Lembre-se de que esse trabalho exige muita dedicação e comprometimento, mas isso não é um problema para quem tem um propósito claro e bem definido.

Se você acha que é o momento de investir em estratégias de marketing nas redes sociais, entre em contato conosco. Temos uma solução personalizada para a sua demanda!

HQT
Autor

Escreva um comentário

Share This