Você sabe quanto custa anunciar no Facebook e quanto custa anunciar no Instagram? Quanto é preciso investir nas mídias sociais para ter um retorno? Em tempos em que as redes sociais são ferramentas essenciais para quem quer vender, essas são perguntas muito importantes.

Apesar disso, não há uma resposta exata, pois há muitas variáveis, que vão desde o orçamento que a empresa tem para marketing digital até o objetivo do anúncio. Para saber quanto investir em uma campanha, é preciso, antes de mais nada, conhecer as técnicas para otimizar os anúncios e obter o maior retorno possível.

Quer saber como fazer isso? Então prossiga a leitura do post e faça campanhas incríveis no Facebook e no Instagram gastando pouco. Vamos lá?

Estabeleça os objetivos da sua campanha

Quando uma marca vai anunciar no Facebook ou Instagram, tudo começa com a escolha do objetivo da campanha. Para isso, conheça as diferenças entre os objetivos e perceba qual se encaixa mais à estratégia de marketing da sua empresa no momento. Existem 11 opções, divididas em três grandes grupos. Confira:

Reconhecimento
  • reconhecimento da marca: gera interesse do público por seu serviço ou produto. Indicado para um novo negócio, por exemplo;
  • divulgação nas imediações: direciona o anúncio para quem está perto do seu negócio. Ideal para restaurantes, escritórios, lojas físicas etc.
  • alcance: para quem quer atingir o maior número de pessoas com uma publicação. Muito utilizado para promoções.
Consideração
  • tráfego: leva as pessoas para fora do Facebook ou Instagram (site, aplicativo etc) para que obtenham mais informações sobre o negócio;
  • envolvimento: gera mais curtidas, engajamento e participações em eventos;
  • instalações do aplicativo: para quem deseja mais clientes dentro do seu app. Esse tipo de anúncio leva o usuário diretamente para a loja de aplicativos e aumenta os downloads;
  • visualização do vídeo: aumenta a percepção do público em relação à sua marca. Muito utilizado para lançamento de produtos;
  • geração de cadastro: gera mais leads para a empresa. Ideal para uma estratégia de e-mail marketing, por exemplo;
Conversão
  • conversões: aumenta os resultados do seu negócio dentro do seu site ou aplicativo;
  • venda do catálogo de produtos: são os anúncios dinâmicos, em que a plataforma puxa automaticamente imagens, preços e quantidades em estoque e coloca no anúncio;
  • visitas ao estabelecimento: para quem tem uma loja física e precisa atrair mais clientes.

Escolha a melhor maneira de utilizar o seu orçamento

O investimento para anunciar no Instagram e no Facebook depende, basicamente, do seu orçamento para aquela campanha. O valor inicial gira em torno de um a cinco dólares. O importante mesmo é utilizar esse recurso da melhor maneira possível.

Com o objetivo do anúncio definido, é hora de direcioná-lo para um público. Quanto mais específico ele for, mais cara será sua campanha. Por outro lado, um público bem-segmentado tem uma chance maior de comprar seu produto.

Sendo assim, a dica é sempre procurar um equilíbrio entre o orçamento que tem disponível e a segmentação do seu público. A melhor maneira para se chegar a esse ponto é monitorar as campanhas e ver quais estão trazendo mais resultados. Além disso, há algumas maneiras de utilizar o orçamento. Veja só.

Orçamento vitalício

O orçamento é definido para toda a campanha e possibilita que o algoritmo da plataforma escolha os melhores dias e horários para entregar os anúncios. Recomenda-se um prazo mínimo de 7 dias para que se possa otimizar a campanha no período. Os valores de consumo do orçamento ficam variando até o fim da campanha, assim como os resultados.

Orçamento diário

Com um valor máximo a ser utilizado por dia, fica mais fácil controlar os gastos. A plataforma de anúncios também fica obrigada a entregar o consumo proposto. E, quando houver necessidade de resultados mais rápidos, é possível aumentar o investimento diário.

Para saber qual modalidade utilizar, a melhor opção é medir o ROI de cada campanha. Porém, com o orçamento diário, é sempre mais fácil controlar a entrega dos anúncios.

Defina a forma de cobrança de veiculação dos anúncios

Além do orçamento, existe também a forma como é cobrada a veiculação dos anúncios no Facebook e Instagram e, dependendo da escolha, pode haver uma otimização da campanha. As opções principais são:

CPM

Significa Custo por Mil Impressões e a empresa é cobrada a cada mil exibições do anúncio. A dica aqui é definir um lance maior do que o apresentado na plataforma para que, assim, a entrega seja priorizada.

CPC

No Custo por Clique, a empresa é cobrada apenas quando o usuário clica no anúncio. Essa é uma boa opção para quem quer direcionar as pessoas para um site, por exemplo.

CPM otimizado

Trata-se do modelo de compra por leilão automático, que otimiza o anúncio ao direcioná-lo a quem tem maior probabilidade de clicar e converter. Costuma ser mais efetivo do que o CPM ou CPC.

Siga algumas dicas para otimizar suas campanhas

Dentro dessas possibilidades, algumas dicas poderão ajudá-lo a otimizar ainda mais suas campanhas. Confira:

Para audiências pequenas e retargeting, utilize o leilão por CPM

Para um público bem-segmentado, o algoritmo de entrega de anúncios pelo CPM otimizado não funciona bem, já que a plataforma leva mais tempo para encontrar a melhor solução dentro daquele grupo restrito.

No retargeting, em que o público que você quer atingir é pré-qualificado, ou seja, que já teve um contato com a empresa (pode ser uma visita ao site, por exemplo), o CPM é o mais indicado, porque o algoritmo não precisa otimizar a entrega para pessoas que tendem a clicar e converter.

Comece com um orçamento baixo

Não comece utilizando, de uma vez, todo o seu orçamento. O melhor é iniciar investindo pouco e, assim, medir os resultados.

No início, defina uma segmentação ampla

Em uma campanha, é possível selecionar o público com gênero, idade, localização, interesses etc. Escolha diferentes opções para cada variável e, depois, edite seu anúncio com base no relatório detalhado. Nele, você poderá ver se mais homens ou mulheres foram impactados pelo anúncio, por exemplo.

Como vimos, para saber quanto custa anunciar no Facebook ou quanto custa anunciar no Instagram, é preciso ter claro o objetivo da campanha, o tipo de orçamento e a melhor forma de cobrança. Além, claro, de seguir algumas dicas valiosas que podem otimizar ainda mais sua campanha. É possível, a um custo baixo, alcançar ótimos resultados.

Para saber mais sobre o assunto e fazer uma campanha assertiva, saiba por onde começar a sua estratégia de marketing nas redes sociais.

HQT
Autor

Escreva um comentário

Share This